CONSTRUÇÃO A PARTIR DE RECURSOS LIMITADOS:


Não podemos romantizar a falta de recursos dos coletivos de São Paulo. Trabalhar de maneira independente, com pouco apoio ou patrocínio das grandes marcas é muito dificil.

Muitas festas podem parecer grandes, mas os gastos para conseguir realizar um evento com segurança, na legalidade e com remuneração honesta a todes os funcionáries é complexa; levanto em conta que o consumo no bar é baixo e muitas festas têm entrada franca, o que leva a um sistema que muitas vezes não gera lucro nenhum, mas emprego para mais de 120 pessoas em um final de semana. 

Estes problemas transpassam nossa condição como festas, é também um problema estrutural, fruto da desigualdade no Brasil. Para muitos: precisamos romper com nossa bolha da realidade e pensar em projetos e possibilidades tangíveis. 


PARA ARQUITETURA / CENOGRAFIA:
Trabalharemos na oficina, a partir de recursos limitados; isso é, temos um inventário de elementos cenográficos que iremos ressignificar, além de um orçamento baixo para o projeto que iremos desenvolver.  

E para iniciar iremos realizar um ensaio para criatividade:

ENSAIO 1:


Vamos definir juntes 1 tema comum, dentro da situação politica/social que estamos vivendo.

EXEMPLO:
Pandemia : Elementos que restringem

Dentro do tema iremos definir 20 elementos físicos ou não.
EXEMPLO:  

Elementos que restrigem:
CONE ; PEDRA ; PNEU ; FITA ; CANCELA ; GRADE DE ISOLAMENTO ; DIVISÓRIA ; CANTONEIRA ; PLACA DE PARE ; ESCURO ; TIJOLO ; TAPETE ; COLUNA ; ALAMBRADO ;  CORTINA ; CADEADO ; ESCADA ; CORTINA DE PVC ; CORDA ; CERCA
 
Por fim, vamos sortear 5 destes elementos e individualmente todes os participantes devem propor um elemento cenográfico construível ou não para a festa. Cada participante terá que explicar o projeto, a representação é livre.   

REGRAS:

Usar no mínimo 3 destes elementos.
Não pode variar a escala de cada elemento.
Pode repetir os elementos quantas vezes quiser.